VINDIMA-SE

COMEÇA-SE HOJE, É TUDO O QUE AS PESSOAS QUEREM OUVIR. ESTÃO DESEJOSOS QUE CHEGUE O DIA, FALAM DISSO NOS CAFÉS, AOS TELEMÓVEIS, À MESA. É HOJE? É AMANHÃ? ESTÃO NERVOSOS JÁ TIRARAM FÉRIAS NO TRABALHO, TEM QUE DAR CERTO.

CHEGOU O DIA, À HORA COMBINADA LÁ ESTÃO TODOS AINDA ENSONADOS MAS DESEJOSOS POR IR PARA AS VINHAS COLHER OS SEUS DOURADOS CACHOS. DISTRIBUEM-SE AS TESOURAS, AS PESSOAS PELOS TRANSPORTES E, QUAL ARMADA, PARTEM ÀS ORDENS DO CAPATAZ. CHALACEIAM UNS COM OS OUTROS, LEMBRAM ESTA OU AQUELA HISTÓRIA DIVERTIDA DO ANO PASSADO OU DO ANTERIOR, TÊM BOA MEMÓRIA E GOSTAM DE RECORDAR COM TODOS OS PORMENORES.

AÍ ESTÃO ELES A VINDIMAR À COMPITA UNS COM OS OUTROS, HOMENS, MULHERES, MIÚDOS, TESOURA NAS MÃOS AÍ VÃO ELES EM BUSCA DOS CACHOS QUE ROUBANDO ÀS VIDEIRAS FARÃO SEUS. E, ESTE ANO, TEM DE CORRER MELHOR DO QUE NO ANO PASSADO, TEM QUE FICAR NA HISTÓRIA DOS AMIGOS, DA PROPRIEDADE, DA REGIÃO.

A HORA DA REFEIÇÃO CHEGA E SENTADOS COMEM O ALMOÇO SEM TIRAR OS OLHOS DA VINHA DISCUTINDO SOBRE O ESTADO DAS UVAS, MELHORES PIORES DO QUE NO ANO PASSADO, E BEBENDO UM VINHO TINTO DA REGIÃO.

JOGAM-SE DE NOVO AO TRABALHO ATÉ AO SOL-POSTO SE FOR PRECISO, ENQUANTO DA ADEGA CHEGAM OS ECOS DA LABORAÇÃO, PERGUNTA-SE QUAL O GRAU DAS UVAS PARA VER QUEM DEU O MELHOR PALPITE, AVÓS, NETOS, FILHOS, FAMÍLIAS, ALI SE JUNTAM PARA COLHER O SUSTENTO PARA O INVERNO SEGUINDO NA VIDA AS PISADAS DOS QUE, ANTES DELES, O MESMO FIZERAM. HOJE A ELES CALHA O TRABALHO NA ESPERANÇA DE QUE OS MAIS NOVOS, AMANHÃ, OS SUBSTITUAM DANDO CONTINUAÇÃO AO QUE A TRADIÇÃO MANDA E ESPERA.

SIM, QUERO MAIS INFORMAÇÕES

Holler Box